sábado, 13 de julho de 2013

Sob as Estrelas

Olá leitores!! Como estão todos? Por aqui tudo certo, graças a Deus!

Lá vem mais um daqueles posts especiais!

Esse livro caiu em minhas mãos meio por acaso. Já devo ter contado aqui que um dos motivos de criar o blog era fazer amizade com outros apaixonados por livros, né? Então, em razão disto, eu faço parte de alguns grupos relacionados ao tema no facebook e lá eu conheci a autora de Sob as Estrelas.

A autora, prontamente, disponibilizou o livro para alguns blogueiros lerem e eu tive o prazer de recebê-lo também. Obrigada Mione Le Fay, gostei muito!

Eu acho incrível essa oportunidade que os blogs e os leitores têm de divulgar o trabalho de autores brasileiros que estão começando. A Mione Le Fay está à procura de uma editora para publicar Sob as Estrelas e eu desejo a ela muito sucesso, espero que eu também consiga terminar de escrever um livro, seria o máximo! Quem sabe um dia...

O que diz a contracapa?

Vou transcrever aqui a sinopse que eu achei na página do livro no Skoob:

Beatriz e Matheus se conhecem desde sempre. Cresceram juntos, iam para a escola juntos e passavam basicamente todo o tempo juntos até que um dia percebem que o que sentem um pelo outro não é apenas amizade, mas sim o mais puro e belo amor. Juntos eles viverão intensamente cada segundo desse amor, mas juntos também terão de lutar contra uma doença da qual pode destruir todos seus sonhos e desejos. Terá forças o suficiente esse amor para acabar com uma enfermidade? Terão poder o suficiente as estrelas de realizar um pedido e salvar uma vida? Ou isso não passa de uma lenda ao mesmo tempo em que essa linda historia de amor pode também se tornar uma com seus capítulos inacabados? “Deitei no colchão e Matheus esticou a mão para baixo, pegando a minha, por mais que eu estivesse com sono e realmente estava não conseguia dormir, novamente me peguei olhando as estrelas no teto de Matheus, mas sem cabeça para conta-las, apenas vendo-as segurando a mão de Matheus, uma das estrelas, que ficava presa na parede, logo abaixo do teto, era uma estrela cadente, eu sabia que não era uma estrela de verdade mas mesmo assim eu fiz um pedido, que no próximo exame de Matheus mostrasse que não foi nada, torcendo para que mesmo aquela estrela não sendo verdadeira, ela realizasse meu pedido, depois de um tempo eu acabei pegando no sono.” 

* Imagem retirada do site Skoob no link relacionado ao livro Sob as estrelas.

O que eu achei?

A princípio imaginei que não fosse me interessar muito pela história, pois, logo no comecinho, já ficamos sabendo que se trata da vida de adolescentes que estão no 9º ano do colégio. Logo eu pensei que já não pertenço a esse mundo de colégio faz tempo (na minha época nem existia 9º ano) então não ia me identificar tanto com os personagens.

Mas continuei a leitura e muitas vezes me peguei relembrando situações que aconteceram comigo e com meus amigos. Ri sozinha ao lembrar dos bilhetes passados em sala de aula como se fossem salas de bate papo da internet. Sim, eu fazia isso (e muito) na época de 8ª série (um beijo especial às melhores amigas de sempre: Thaís, Rafaela, Júlia e Fabiana, lembram disso, meninas?) e a história foi, pouco a pouco, me cativando.

Me envolvi com a vida de Beatriz e Matheus: dois amigos inseparáveis que, de repente, percebem que o que há entre eles é muito mais do que apenas uma amizade e o livro mostra isso de forma muito leve – da amizade nasceu o amor – simples assim!

Assim como eu, tenho certeza que as meninas também vão achar o Matheus um fofo, que dispensa uma das garotas da sala para, finalmente, se declarar para a Bia sem saber se ela sente o mesmo por ele, mas sentia, e eu adorei quando ficaram juntos.

Como nem tudo são flores, uma doença bastante grave veio para aterrorizar o romance dos dois. Matheus descobre que está muito doente e Beatriz busca forças das estrelas para ajudá-lo a passar por essa fase.

Um livro muito tocante que, como eu disse à autora, me fez chorar bastante. Nos mostra a importância do amor e, acima de tudo da amizade. Um com o outro, sempre! Afinal, a doença estava debilitando não só o namorado de Bia, mas, principalmente seu melhor amigo.

Quem gosta de livro na temática de “A Culpa é das Estrelas” (quem leu a resenha que eu fiz deste livro aqui, sabe que eu ameeeeeiiii) também vai se apaixonar por Matheus e Beatriz.

Mione Le Fay, todo o sucesso do mundo para você!

Espero que gostem!

Boa leitura a todos,


Mari

7 comentários:

  1. Mari,
    Adorei a resenha, já está no blog, muito obrigada :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii!!! Que bom que você gostou!! Espero ver o livro publicado logo! Adorei!!!

      Beijos

      Excluir
  2. To lendo um livro com o titulo parecido, gaiola de estrelas ehehhe. mais a capa é totalmente diferente. beijos flor.
    minhamaniadeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sério??? E é bom?? Me conta!!!

    Obrigada pela visita!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Mari, Tempos maravilhosos! Mto bom ter lembranças tão boas! Adorei a história!!!!! bjooooooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tempos maravilhosos!! Amizade que já passou de 20 anos! Amo vocês!! Sexta tô aí, me espera!!! Beijossss

      Excluir
  5. Amei de paixão o 1º capitulo do livro quero mto que seja publicado

    ResponderExcluir

Amigos leitores, sintam-se a vontade para comentar o post. Peço que, por favor, ao tecerem os comentários, não utilizem palavras e expressões que possam ofender os demais. Obrigada.